Archive for maio 8th, 2021

G20 traça cenários para retomada do setor de turismo de forma segura

G20 traçam cenários para retomada do setor de turismo de forma segura
G20 traçam cenários para retomada do setor de turismo de forma segura – Gilson Machado Neto – Ministro do Turismo – Foto Divulgação Mtur

G20 traça cenários para retomada do setor de turismo de forma segura.  Os Ministros do Turismo do G20 debateram nessa semana, por videoconferência, a retomada do setor de forma segura e traçaram cenários para a pós-pandemia. Representantes de várias regiões do mundo destacaram a necessidade de se pensar em políticas de mobilidade segura e turismo sustentável. O ministro Gilson Machado Neto reforçou a necessidade de se criar um protocolo único de saúde em todo o mundo.

Sem duvidas o turismo é responsável por cerca de um em cada dez empregos em todo o mundo e ajudou a criar um em cada quatro empregos entre 2014 e 2019, segundo dados do Conselho Mundial de Viagens e Turismo, citados pela atual presidência do G20, que atualmente é assumida pela Itália. Em 2020, o turismo era um dos setores mais afetados pela pandemia e ainda não se recuperou, pois muitos países ainda mantêm suas fronteiras fechadas para evitar a propagação do novo coronavírus.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, destacou, durante sua participação no evento, que vivemos o momento de estabelecer parâmetros para reativar o turismo e unificar protocolos de saúde entre os países. “Vejo no desenvolvimento de um protocolo único, simples e objetivo entre todos os países, uma ótima maneira de recuperar e retomar o turismo em nossos países de forma segura e eficiente para todos”, afirmou. Por fim, o ministro brasileiro destacou a importância da sustentabilidade no turismo e as tendências para o período pós-pandêmico. “Nesse momento em que todo mundo aqui fala em sustentabilidade, quero dizer que somos o país mais preservado do mundo: 66% do nosso território e 87% da Amazônia é o mesmo de quando Jesus Cristo veio à terra. Apenas 3% da emissão de poluentes ocorre aqui ”, concluiu Machado Neto.

Um dos destinos de ciclo turismo mais fantásticos de Santa catarina, o Vale Europeu, faz parte do polo multicultural em Santa Catarina. O Estado conta com uma região singular conhecida como Vale Europeu, o que se deve à marcante característica dos colonizadores do local, entre eles alemães, italianos, austríacos, poloneses e portugueses. No total, 19 cidades fazem parte do Vale Europeu.

Um ponto em comum entre todas elas são as fortes características da cultura européia na arquitetura, na gastronomia, na música, nas festas típicas e na excelência em produtos, desde marcas de moda e confecção, até alimentos e bebidas especiais desde cervejarias, destilados e vinícolas. A região também possui infraestrutura turística para a prática de esportes de aventura, como rafting, rapel, cicloturismo e caminhadas. A entidade representativa do trade turístico, o Blumenau e Vale Europeu Convention Bureau, apoia, capta eventos, além de desenvolver ações fomentando o turismo da região.

O maior festival de turismo do norte/nordeste do Brasil, o Brazil Travel market, confirmou que a Masterop Operadora terá uma caravana de cerca de 250 agentes de viagens no evento deste ano, que acontece nos dias 22 e 23 de outubro, em Fortaleza (CE). A empresa recebeu o troféu de caravana mais antiga, pois participa do evento desde a primeira edição. Além da caravana, a Masterop estará presente no BTM 2021 com um estande de 100 m², participando das capacitações realizadas por 14 fornecedores. Para os deslocamentos já foram reservados 187 bilhetes aéreos e ônibus.  “É um evento que só vem crescendo, a Masterop está presente desde 2010, e o crescimento ano após ano é nítido, o que influencia a ser hoje um dos maiores eventos do país. A Masterop vem buscando nas edições anteriores agregar uma programação em paralelo ao evento, como capacitações, rodadas de negócios e confraternizações”, disse a empresa.

TurismoOnline

Ezequiel Ferreira encaminha ao Governo do RN ações estruturantes para Macau

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), fez encaminhamentos junto ao governo do RN para ações efetivas para o desenvolvimento da cidade de Macau (RN), município polo da Região Salineira do Estado. O deputado solicitou um estudo de viabilidade técnica para a recuperação e aprimoramento da iluminação da RN-221, no trecho que vai do trevo da Cohab ao Campus do IFRN e a expansão do saneamento básico nos bairros Porto da Pescaria, Arnóbio Abreu e Praia Camapum. E, nestes tempos de pandemia, requereu a disponibilidade de um veículo modelo ambulância.

“Estes pleitos estão alinhados com as demandas que chegam ao prefeito José Antônio Menezes e do vice-prefeito Rodrigo Aladim, que rotineiramente apresentam sugestões de serviços a serem melhorados pelo poder público em virtude dos anseios do macauenses que cobram, com toda razão, melhorias constantes para a cidade”, justifica o deputado Ezequiel Ferreira, ao mesmo tempo em que encaminha os requerimentos ao presidente da Câmara Municipal de Macau, Civagno Patrese, para conhecimento e engajamento de todos pelos pleitos apresentados ao Governo do Estado.

Desse modo, o deputado solicitou iluminação do trecho que vai do trevo da Cohab ao IFRN, pois se trata de um bairro, cerca de sete quilômetros do centro de Macau, passando pela BR-406, onde diariamente transitam alunos da Instituição, incluindo o trecho na saída da BR-406 e entrada da RN-221, que encontra-se sem iluminação.

“Reitero essa solicitação, a qual está embasada no pedido dos munícipes, uma vez que se trata de uma medida de segurança principalmente de trabalhadores que precisam sair de madrugada e estudantes que transitam naquele local. Segundo os moradores muitas solicitações já foram feitas, mas até o presente momento o problema não foi solucionado. Os moradores de Macau já convivem diariamente com grandes problemas por falta de segurança pública, as pessoas vivem em constante estado de risco, que se agravam à noite, pois a escuridão é total e os assaltos são constantes”, detalhou o deputado.

Ezequiel Ferreira destaca que o saneamento básico é um item essencial para toda a sociedade para que sejam evitadas doenças que provém dos esgotos a céu aberto, assim incluindo a falta de conscientização das pessoas e falta de investimento do governo o que resulta nas pessoas jogarem lixo a céu aberto sendo que seria possível reciclarmos, e assim evitarmos muitas doenças e problemas para a nossa sociedade, como por exemplo viver com animais indesejáveis que procuram exatamente esse tipo de ambiente para viver.

O município de Macau não possui unidades de ambulâncias suficientes para atender à demanda da população, a qual é estimada em 32.039 habitantes (IBGE/2020). A proposta aqui sugerida tem como objetivo suprir a necessidade dessa população que necessita de serviços ambulatórios móveis para atender aos chamados de todo o município. “Boas condições de saúde é um fator fundamental para o melhor desenvolvimento social de um município, e sem um veículo apropriado para transportar seus enfermos ou acidentados para um hospital ou outro centro com melhores condições hospitalares, a saúde fica comprometida”, disse.