RN: Restaurantes, bares e lanchonetes permanecem proibidos de abrir para o público

Restaurante Mangai: Sucesso gastronômico em Natal RN
Mangai de Natal / Foto: da Internet

Os Restaurantes, bares e lanchonetes do Rio Grande do Norte continuam amargando as medidas, perturbadoras do governo, de permanecerem fechados, apenas com o atendimento com ponto de coleta dos alimentos, e o atendimento ifood.

Desde 18 de abril que esses empresários vêm sofrendo com seus negócios, sendo vítimas da tirania de um governo que diz está cuidando da saúde do povo. Seguem sem previsão de voltarem com seus negócios.

Até o momento as previsões catastróficas de mortes pelo Covid apontadas pelo governo não aconteceram, nem vai acontecer. Pois todos os bons especialistas afirmam que o Covid não se propaga com facilidade em região quente. Em temperatura a cima de 17º graus.

Há informação de que os três médicos que morreram no Estado se contaminaram nos EUA quando participavam de uma convenção de saúde, quando chegaram no RN já traziam sintomas agravados. O RN não tem muitos registro de óbitos confirmados entre os que se contaminaram no próprio Estado.

Fora os escândalos de pessoas que morreram de outras patologias e foram contabilizados como que fosse de Covid, entre esses, um recém-nascido que sua mãe não tinha a doença.