Projeto de lei determina instalação de sistema que avise sobre assaltos em letreiros de ônibus em Natal

Ônibus vão precisar implantar um sistema que avise sobre assaltos no letreiro — Foto: Igor Jácome/G1
Ônibus vão precisar implantar um sistema que avise sobre assaltos no letreiro — Foto: Igor Jácome/G1

Os vereadores de Natal aprovaram, em sessão ordinária nesta quinta-feira (26), um projeto de lei que obriga as empresas de ônibus instalarem um sistema que avise sobre os assaltos nos letreiros digitais dos próprios veículos.

O projeto de lei foi aprovado em segunda discussão na Câmara Municipal de Natal e agora segue para redação final antes de ir para sanção do prefeito Álvaro Dias (PSDB).

Segundo o vereador Fúlvio Saulo (Solidariedade), autor da matéria, o projeto de lei visa alertar às pessoas que estão do lado de fora do ônibus – e até futuros passageiros – que aquele veículo está sendo alvo de bandidos.

O vereador explicou que a proposta é implantar botões de pânico em todos os ônibus. Assim, quando automaticamente esse dispositivo for acionado durante um assalto, frases com o alerta seriam lançadas no letreiro digital.

“Com o aumento do índice de violência que a nossa sociedade vem enfrentando, as empresas de ônibus podem alertar àqueles que estão fora para que possam avisar à polícia que está ocorrendo assalto naquele veículo”, disse Fúlvio Saulo (Solidariedade).

A frase escolhida para o letreiro, segundo o vereador, seria uma decisão de cada empresa.

Outras pautas aprovadas

Ainda em segunda discussão nesta quinta-feira (26), os parlamentares aprovaram uma matéria de autoria da vereadora Júlia Arruda (PCdoB), também em segunda discussão, que institui na cidade a Semana Municipal de Prevenção à Gravidez na Adolescência. Já de autoria do vereador Fernando Lucena (PT), foi aprovada a Lei que dispõe sobre a Caixinha de Natal voluntária para os profissionais da limpeza urbana da cidade.

https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/