O ditador coreano não morreu, Kim Jong-un reaparece em público na Coreia do Norte, diz agência

Foto da Internet

O ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, fez a sua primeira aparição pública em mais de 20 dias, encerrando rumores de que estava morto, noticiou a imprensa da Coreia do Sul. A primeira aparição pública de Kim Jong-un desde o dia 11 de abril aconteceu neste sábado (2), na inauguração de uma fábrica de fertilizantes.

A informação foi passada tanto pela agência estatal KCNA quanto pela sul-coreana Yonhap, que monitora o governo do país vizinho. A Reuters não pôde verificar independentemente o relato da KCNA.