Governo conta com 320 votos para aprovar PEC dos Precatórios em segundo turno

Michel Jesus/Câmara dos Deputados

A articulação política do governo Bolsonaro estima ter 320 votos para aprovar a PEC dos Precatórios em segundo turno. A votação ocorrerá nesta terça-feira, 9, na Câmara dos Deputados. No primeiro turno, a proposta foi aprovada com 312 votos, quatro a mais do que o necessário. O Palácio do Planalto espera ter a maioria dos votos dos 57 parlamentares ausentes na primeira votação, mas sabe que a oposição trabalha para reverter os 25 votos dados ao texto, que adia o pagamento das dívidas da União reconhecidas pela Justiça, altera a regra do teto de gastos e viabiliza o pagamento do Auxílio Brasil. Às 11h39, 279 deputados haviam registrado presença no plenário.

“A expectativa para o segundo turno é melhor, porque na semana passada tínhamos muitos deputados viajando e era a primeira semana de retorno depois do fim do regime de votação no sistema remoto. Hoje o quórum será maior. A expectativa, segundo nossa tabela, é ter 320 votos”, disse à Jovem Pan o deputado federal Sanderson (PSL-RS), um dos vice-líderes do governo na Câmara. Em razão da resistência ao texto, o parlamentar avalia que a votação deve atravessar o dia e ser finalizada na madrugada da quarta-feira, 10. “Hoje vamos votar os destaques e o segundo turno. Trabalhamos com esse cenário, mas sabemos que vai haver obstrução na votação dos destaques e do mérito. Vamos enfrentar. Para aprovar em primeiro turno, fomos até 2h, hoje vamos noite adentro”, acrescentou.

Jovem Pan

Leave a Comment