Coronavírus: Hermano Morais sugere ações de prevenção no Estado

Atento aos números da Covid-19 no Rio Grande do Norte e às necessidades impostas à sociedade pela pandemia do novo Coronavírus, o deputado Hermano Morais (PSB) encaminhou uma série de requerimentos ao Governo do Estado solicitando medidas de prevenção e enfrentamento à situação. De acordo com os documentos apresentados pelo parlamentar, as medidas são necessárias para barrar a aceleração do contágio da doença no RN.
 
Com direcionamento à Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap), Hermano defende a elaboração de decreto estabelecendo a obrigatoriedade da utilização de máscaras de proteção individual por parte da população no âmbito estadual – sugerindo ainda a distribuição das mesmas para a população de baixa renda, especialmente para aqueles que frequentem ambientes com aglomeração como bancos, feiras livres e transportes públicos.
 
Considerando também o alto índice de casos e óbitos pela Covid-19 em estados vizinhos ao Rio Grande do Norte, o deputado propôs ainda à Sesap a instalação de barreiras sanitárias nas fronteiras. “O intuito é minimizar a incidência e propagação da transmissão causada pelo trânsito de pessoas entre os Estados, visto que na Paraíba, e principalmente no Ceará, os números são alarmantes. Isso sem falar em Pernambuco, que mesmo não fazendo fronteira com o RN, historicamente e economicamente mantém um fluxo populacional por conta da proximidade”, justifica Hermano.
 
De acordo com o requerimento, a barreira sanitária deverá fiscalizar a entrada de pessoas (motoristas, ciclistas, pedestres, entre outros), aferindo temperatura corporal, questionando o motivo da entrada, tempo de permanência e se algum passageiro está com sintoma da doença. Além disso, um material educativo sobre o combate à Covid-19 também deverá ser entregue aos transeuntes.
 
Visando também a conscientização da população potiguar no enfrentamento, prevenção e combate à transmissão do novo Coronavírus, o parlamentar sugeriu à Assessoria de Comunicação do Governo do Estado a veiculação de campanha publicitária educativa “no intuito de promover compreensão e importância quanto ao isolamento social e uso de máscaras”, observa ele.
 
Em boletim divulgado no último sábado (2), a Sesap reportou que o Estado apresenta 1.392 casos confirmados de Covid-19, com 61 óbitos.