Archive for janeiro 2nd, 2022

Secretário promete Hospital de Natal ainda em 2022 e avalia que “o pior já passou” sobre a Covid

Foto: Magnus Nascimento/TN

O novo Hospital Municipal de Natal será o grande projeto da Saúde da capital em 2022, afirma o titular da área George Antunes em entrevista à Tribuna do Norte. Orçado em cerca de R$ 130 milhões, a previsão é de que a unidade comece a ser construída no primeiro semestre. Com 220 leitos, sendo 180 de internação; 10 leitos de UTI neonatal; 10 leitos de UTI pediátrica; 20 leitos de UTI adulto; internação; obstetrícia; pediátrica; neonatal; clínica médica e cirúrgica, o hospital vai se destinar ao atendimento de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Ao ser questionado sobre a situação da COVID, ele disse: “Para mim, a ômicron não me deixa tão assustado. Só peço que a população tenha mais um pouco de paciência com a máscara, com as aglomerações. Já dá para se reunir, fazer festa, caminhar, correr, andar na praia sem a máscara, mas nos ambientes fechados ainda é preciso e os cuidados com a higienização são importantes. O pior já passou”.

Tribuna do Norte /BG

Vacinação contra a Covid: mais de 143,4 milhões de pessoas estão totalmente imunizadas

Os dados do consórcio de veículos de imprensa divulgados às 20h deste sábado (1º) mostram que 143.408.061 pessoas tomaram a segunda dose ou dose única de vacinas e, assim, estão totalmente imunizadas. Este número representa 67,23% da população. 16 estados não divulgaram dados da vacinação.

A dose de reforço foi aplicada em 26.352.545 pessoas, o que corresponde a 12,35% da população.

Um total de 161.236.948 pessoas, o que representa 75,59% da população, tomou ao menos a primeira dose de vacinas.

Somando a primeira dose, a segunda, a única e a de reforço, são 330.997.554 doses aplicadas desde o começo da vacinação.

G1 / BG

Motorista não pagará DPVAT pelo segundo ano seguido; Excedente de recursos cobrirá indenizações em 2022

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Pelo segundo ano seguido, os motoristas ficarão isentos de pagar o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT). A medida foi aprovada no último dia 17 de dezembro pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), órgão vinculado ao Ministério da Economia.

Segundo o CNSP, a isenção pôde ser concedida porque existe um excedente de recursos no FDPVAT, fundo da Caixa Econômica Federal que administra os recursos do DPVAT, para cobrir os prejuízos com acidentes de trânsito.

Ao ser constituído, em fevereiro de 2021, o FDPVAT recebeu R$ 4,3 bilhões do consórcio de seguradoras que formavam a Seguradora Líder para o fundo. Desde então, o dinheiro vem sendo consumido com o pagamento das indenizações.

“O CNSP tem efetuado reduções anuais sistemáticas no valor do prêmio como forma de retornar, para os proprietários de veículos, estes recursos excedentes, já tendo, inclusive, estabelecido valor igual a zero, para todas as categorias tarifárias, para o ano de 2021. Tal decisão promove a devolução à sociedade dos excedentes acumulados ao longo dos anos. Sem nova arrecadação, a tendência é que esses recursos sejam consumidos com o pagamento das indenizações por acidentes de trânsito ao longo do tempo”, informou o órgão.

O CNSP atendeu a pedido da Superintendência de Seguros Privados (Susep). O excedente foi formado com os prêmios pagos pelos próprios proprietários de veículos ao longo dos anos. Apesar de ajudar os motoristas, a medida afeta o Sistema Único de Saúde (SUS), que recebia 45% da arrecadação anual do DPVAT.

A isenção vale para todas as categorias. Caso a cobrança fosse mantida, os motoristas teriam de pagar de R$ 10 a R$ 600 para custear as coberturas do seguro obrigatório. As tarifas variam conforme o tipo de veículo e a região do país.

Agência Brasil /BG

Brasil volta a integrar o Conselho de Segurança da ONU após doze anos

Brasil estava fora do Conselho desde o biênio 2010/11 / Daniel SLIM / AFP

Brasil retornou ao Conselho de Segurança das Nações Unidas neste 1º de janeiro para cumprir o biênio de 2022/2023 após mais de dez anos de ausência. Esse é o 11º mandato do Brasil como membro não permanente, sendo que a última vez foi no biênio de 2010/11.

Formado por 15 países, o Conselho é responsável pela manutenção da paz e da segurança intencionais. Atualmente, o Brasil participa de sete das 12 operações de manutenção de paz da ONU.

De acordo com o Itamaraty, o objetivo do Brasil nesse biênio é a “prevenção e a solução pacífica de conflitos, a eficiência das missões de paz e das respostas humanitárias às crises internacionais, a consolidação da paz mediante ações voltadas para o desenvolvimento, o respeito e aos direitos humanos e a maior participação das mulheres nas ações de promoção da paz e da segurança internacionais”.

O Brasil fez parte do Conselho de Segurança da ONU nos biênios de : 1946/47, 1951/52, 1954/55, 1963/64, 1988/89, 1993/94, 1998/99, 2004/05 e 2010/11.

Preço da gasolina cai 1,7% e fica mais barata nas bombas dos postos de combustíveis de todo país

SP – AUMENTO-COMBUSTÍVEIS-LIMEIRA – GERAL – Bombas de combustível em Limeira (SP). Na tarde desta terça-feira (26), o preço da gasolina passou dos R$ 6, sendo que o valor médio na cidade é R$ 6,39 por litro. 26/10/2021 – Foto: ROBERTO GARDINALLI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Na últimas quatro semanas, o preço da gasolina caiu 1,7% e ficou mais barata nas bombas dos postos de combustíveis de todo o Brasil. Em algumas regiões do país a redução chegou a 1,4%. Os dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP)mostram ainda que a média do litro da gasolina continua alta. Os valores variam de R$ 6,70 a R$ 6,90.

No Paraná, o consumidor encontra o menor preço do Brasil, cerca de R$ 6,00 o litro. A queda parcial do preço da gasolina tem sido puxada por causa do preço do etanol, que também caiu ao longo das últimas semanas. Além disso, os governadores de vários estados estão estudando baixar o preço da alíquota do ICMS, que encarece o preço do combustível e impacta diretamente no bolso do consumidor.

O Rio de Janeiro registra o preço mais alto do país, a gasolina comum chega a custar R$ 7,90, a aditivada ultrapassa R$ 8,00. Segundo a ANP, entre os dias 28 de novembro e 4 de dezembro, no estado de São Paulo, o preço da gasolina caiu cerca de 20 centavos nos postos. No Rio Grande do Sul, o governador Eduardo Leite (PSDB) pretende baixar ainda mais o ICMS e a redução pode refletir no preço final nas bombas. Com uma redução de 44 centavos. As alíquotas de gasolina e álcool caem de 30% para 25% no estado.

Jovem Pan