Archive for junho 26th, 2021

Lockdown parece não ter sido a melhor opção contra a Covid-19, Brasil tem 0,6 mortes (por milhão) a mais do que a Agentina, mundo registra 0,5% de mortes pela doença

Fonte

O mundo registrou, até a data de hoje, cerca de 2,4 por cento de sua população que adoeceram, ou tiveram alguns sintomas, em decorrência pela contaminação do novo coronavírus. Também registra o número de 0,5% de mortos pela doença.

Com 7,8 bi de habitantes, foram registrado que adoeceram 180,53 milhões de pessoas. Quando comparado com o númeor de mortos, o mundo registra que morreram da Covid-19, nesses 16 meses, 3,91 milhões de pessoas.

O Brasil é 4,22 vezes maior do que o país da Argentina. Este tem 49,94 milhões de habitantes, com 91.979 vítimas fatais pela Covid-19, enquanto o Brasil tem 211 milhões de habitantes, contabilizando 511.142 mortes. Isso aponta que nos dois países as mortes ocorreram independentemente das medidas tomadas. Isso é o que mostra os números nacionais.

Os números apontam que o país vizinho registrou 1,8 mortes por milhão de habitante; No Brasil foram 2,4, mostrando uma diferença de 0,6 mortes a mais no Brasil, o que pode ser considerado uma situação equiparada, uma vez que o Brasil é um país com dimensões continentais.

A Argentina teve contabilizado uma contaminação de cerca de 11% de seu povo, enquanto o Brasil registrou a contaminação em cerca de 8% de sua população. Esses números apontam apenas os que tiveram algum sintoma.

A Índia ainda é o país que apresenta o maior número de curados, são 29.193.085 pessoas curadas, seguido pelo Brasil que conseguiu a cura para 16.097.711 pessoas.

Informaçõe sdo Site Infographics

Espanha suspende obrigatoriedade de uso de máscaras ao ar livre; Mais da metade dos cidadãos já tomaram pelo menos uma dose da vacina

Foto: Eduardo Parra/Europa Press via Getty Images (18.jun.2021)

O governo espanhol flexibilizou a obrigatoriedade do uso de máscara ao ar livre a partir deste sábado (26). O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro Pedro Sanchez no dia 18 de junho.

Este fim de semana será o último com máscaras em espaços ao ar livre porque no próximo fim de semana não as usaremos mais“, disse Sanchez durante evento em Barcelona.

O uso de máscara tem sido uma exigência legal, sob pena de multa, em locais fechados e abertos, na maior parte do território espanhol. Havia algumas exceções, como a prática de atividade física ao ar livre.

A determinação está vigente desde meados de 2020, quando a máscara despontou como um dos maiores elementos de proteção contra a covid-19.

Desde 0h deste sábado (26.jun.2021), o uso de máscara está limitado espaços interiores e abertos só quando houver risco de aglomeração ou a distância de 1,5 metros não possa ser respeitada.

Como reportado pelo El País, grupos se reuniram nas ruas por volta da meia-noite para comemorar a flexibilização, que traz a sensação de volta à normalidade depois de quase 1 anos e meio de pandemia. Ainda segundo o site, dezenas de pessoas tiraram suas máscaras na badalada do relógio.

O uso da máscara foi aderido quase que totalmente pela população espanhola. De acordo com o último levantamento do CIS (Centro de Pesquisas Sociológicas), 99,4% dos residentes usavam o equipamento regularmente.

Atualmente, a Espanha registra incidência de 95 casos de covid-19 por 100 mil habitantes. Mais da metade dos cidadãos já tomaram pelo menos uma dose da vacina.

Assim como a Espanha, a vizinha França também suspendeu o uso obrigatório da máscara em locais abertos. Apesar de a taxa de infecção em ambos os países estar em queda, a alta transmissibilidade da variante indiana (Delta) ainda preocupa.

Poder 360

Quina de São João: estimativa de prêmio aumenta para R$ 200 milhões; sorteio será neste sábado

Foto: Divulgação/Caixa

A Quina de São João pode pagar um prêmio de R$ 200 milhões para quem acertar as cinco dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) deste sábado (26). A Caixa aumentou nesta sexta (25) a estimativa do prêmio –que, inicialmente, era de R$ 190 milhões.

O prêmio não acumula e será pago a quem acertar a maior quantidade de números sorteados na primeira ou nas demais faixas de premiação.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, caso haja apenas um ganhador e o dinheiro seja aplicado na poupança, é possível receber mais de R$ 383 mil por mês ou adquirir 125 apartamentos de luxo.

Como apostar

As apostas podem ser realizadas em volantes específicos que já estão disponíveis nas lotéricas e pela internet até as 18h de sábado. O preço da aposta com 5 números é de R$ 2.

Concurso especial

Esta é a décima edição da Quina de São João. No ano passado, cinco apostas dividiram o prêmio de R$ 152 milhões.

G1

MOSSORÓ PIONEIRA: primeiro município do Brasil a aderir às atividades do Mês da Primeira Infância

Foto cedida

A Prefeitura de Mossoró é a primeira do país a aderir à iniciativa do Mês da Primeira Infância, que será celebrado em agosto pela primeira vez. O acordo foi firmado na última quarta-feira (23), em Brasília, pelo prefeito Allyson Bezerra e a secretária nacional de Atenção à Primeira Infância (SNAPI) do Ministério da Cidadania, Luciana Siqueira Lira Miranda. Também participou do evento a deputada federal Carla Dickson.

Durante o encontro, o projeto do mês temático foi apresentado e o Termo de Compromisso para Adesão foi assinado entre a PMM e o Ministério da Cidadania. Com isso, a cidade se compromete a promover a pauta da Primeira Infância em conjunto com parceiros locais, a participar de ações e de eventos promovidos pela Secretaria Nacional de Atenção à Primeira Infância do Ministério da Cidadania e a produzir materiais e conhecimentos para disseminação da pauta.

Segundo o prefeito Allyson, “cuidar das crianças vai além do trabalho diário poder público municipal, é preciso criar uma agenda positiva que veja o ambiente familiar e que as políticas públicas realmente priorizem a primeira infância, e Mossoró tem e terá esta missão, com o nosso apoio” enfatizou o prefeito.

BG

Aos 86 anos, professora faz campanha para conseguir lançar livro de memórias: ‘Nunca é tarde para se realizar um sonho’

Dona Teresinha já definiu o título do livro: "Educação por Amor - Minha história" — Foto: Arquivo da família
Dona Teresinha já definiu o título do livro: “Educação por Amor – Minha história” — Foto: Arquivo da família

Aos 86 anos, dona Terezinha de Macêdo Pereira ainda guarda memórias da infância difícil no município de Lagoa Nova, no Seridó potiguar. “Eu cresci trabalhando na agricultura. Meu sonho era estudar mas não conseguia pois não tinha possibilidade e meu pai não incentivada a gente estudar. Depois dos meus 13 anos eu consegui. Daí em diante, já comecei a ensinar em casa de família com um sonho ainda maior: ser professora. E eu alcancei”, conta dona Terezinha.

Depois de uma vida inteira dedicada à educação, ensinando na cidade vizinha de Currais Novos, a idosa não esquece dos sonhos que alimentavam a vida. Agora, ela quer escrever um livro. “Eu sempre gostei muito de ler, mesmo depois de aposentada, continuo lendo, estudando. Quando via aquelas matérias de pessoas com 90, 100 anos escrevendo livros me bateu essa vontade”, conta.

Incentivada pela família, especialmente, pelos netos, dona Terezinha não parou de escrever. As folhas de caderno já passam por revisão e agora, aguardam uma editora para publicação. Ela, toda orgulhosa, diz o que o leitor pode esperar com o livro: “Uma história de luta, de boa vontade, de determinação. Além de muito esforço e dificuldade. Conto como eu comecei a ensinar e como eu me sinto feliz quando encontro meus ex-alunos. Isso pra mim é muito gratificante”.

A rotina da agricultura continua presente no dia a dia da idosa. Mas apenas como parte dos cuidados no sítio Santa Rita, na Serra de Sant’Ana. Porém, quando tem um tempo livre, lá está dona Terezinha lendo e estudando. O amor pelos livros ajudou a começar os escritos, mas foi com o incentivo da família que o sonho começou a tomar forma.

“Por saber de toda a história da nossa avó, que foi uma professora determinada, que sempre amou a profissão, todos nós resolvemos apoiar e incentivar que esse sonho se realizasse”, conta Juliane Pereira, cabelereira e neta de dona Terezinha.

Campanha para publicação do livro

Porém, dona Terezinha sabe os altos custos para uma publicação e a família entra em cena novamente. Os netos criaram uma vaquinha on-line e um perfil no Instagram para divulgar e arrecadar o valor para publicar o livro, que é de R$ 6 mil. “Como não é uma coisa barata, não está sendo fácil. O processo é lento mas vai valer a pena”, comenta Juliana.

A escritora já definiu o título: “Educação por Amor – Minha história”. E nem poderia ser outro, afinal, essa vovó professora continua sendo exemplo para muitos alunos. Especialmente, quando o assunto é sonho. “Nunca é tarde para se realizar um sonho. Hoje, aos meus 86 anos, me sinto realizada e feliz. E peço a todo mundo: nunca desista dos seus sonhos”.

G1RN

Ladrão rouba equipamentos de transmissão online de missas do Santuário dos Mártires em Natal

Ladrão rouba equipamentos de transmissão de missas pela internet do Santuário dos Mártires em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi
Ladrão rouba equipamentos de transmissão de missas pela internet do Santuário dos Mártires em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um ladrão roubou os equipamentos de transmissão online de missas do Santuário dos Mártires, no bairro Nazaré, em Natal.

O crime aconteceu por volta das 10h50 desta sexta (25) e foi registrado pelas câmeras de segurança do santuário.

O homem chega na basílica, que está aberta, observa o balcão, depois a caixa de ofertas e se dirige ao altar. Alguns minutos depois ele sai com uma bolsa cheia de equipamentos e vai embora andando.

O criminosos levou duas filmadoras, 1 câmera fotográfica, cabos e fios usados nas transmissões online. O material foi avaliado em R$ 10 mil.

De acordo com o coordenador da Pascom, que pediu para não ser identificado, a Polícia Militar foi acionada e foi registrado um boletim de ocorrência na delegacia.

G1RN