Archive for fevereiro 3rd, 2021

Presidente Ezequiel debate pauta municipalista com gestores da FEMURN

A nova diretoria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) esteve reunida com o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), nesta quarta-feira (3) com objetivo de articular benfeitorias em prol dos municípios e promover o desenvolvimento unificado do Rio Grande do Norte.

“Além das propostas da organização municipalista a Casa Legislativa não medirá esforços para cooperar com os municípios através dos projetos, programas, sistemas e políticas de inovação de gestão, qualificação e administração já adotadas no Poder Legislativo Estadual e que podem muito bem ser replicados nos demais municípios do nosso Estado”, disse Ezequiel Ferreira, citando o exemplo do poder legislativo de São Paulo que faz uso do sistema Legis RH, ferramenta que promove o processamento da folha de pagamento, além do controle do cadastro dos servidores.

O sistema Legis RH é uma inovação da direção de Gestão Tecnológica da Assembleia Legislativa do RN. E os legislativos da Bahia, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco e Mato Grosso também sinalizaram interesse na ferramenta desenvolvida pelos servidores potiguares.

Anteomar Pereira, o Babá, prefeito de São Tomé e presidente da FEMURN reforçou que a entidade tem buscado ajudar os prefeitos em início de mandato à frente das prefeituras. “Estas contribuições institucionais vão somando nesta contribuição. Vamos, assim como estamos em visita na Assembleia Legislativa promover encontros com os demais poderes e instituições como mecanismo de fortalecimento da federação e, principalmente, da voz municipalista”, explicou o presidente Babá, salientando que na verdade, os municípios são os lugares onde as pessoas vivem e onde tudo acontece. “Em outras palavras, eles precisam ser mais valorizados”, disse.

Acompanharam o presidente Babá Pereira, o tesoureiro da entidade, prefeito de Bom Jesus, Clécio Azevedo (PSDB), o diretor-geral, Fábio Dantas. Participaram da reunião assessorando o presidente Ezequiel o diretor-geral da presidência, Fernando Rezende, o diretor-geral da Assembleia Legislativa, Augusto Carlos Viveiros, o diretor de representação institucional, Rodrigo Rafael e a diretora da comunicação institucional, Marília Rocha.

Coronel Azevedo enaltece atuais números e gestão da Petrobras

Durante a abertura da primeira sessão ordinária da 3º sessão legislativa, da 62ª Legislatura realizada nesta quarta-feira (3) na Assembleia Legislativa, o deputado Coronel Azevedo (PSC) enalteceu a atual gestão e atuação da Petrobras no País. De acordo com ele, a empresa retoma agora o papel e importância perdidos nos últimos governos.

“De empresa ícone do Brasil à sinônimo de corrupção nos desgovernos passados, a Petrobras, agora gerida com honestidade e competência, volta a orgulhar os brasileiros”, disse ele.

Segundo dados apresentados pelo deputado Coronel Azevedo, a Petrobras teve seu melhor desempenho operacional em 2020, com recordes de produção anual, com 2,28 milhões de barris diários de petróleo e LGN (Líquido de Gás Natural) e 2,84 milhões de barris de óleo equivalente por dia de produção total.

“O desempenho foi obtido durante a pandemia e em um ano em que houve contração da demanda global por combustíveis e preços baixos do petróleo no mercado internacional. A dimensão qualitativa da produção, considerada elemento extremamente importante para a geração de valor, também aumentou”, observa o parlamentar. 

Ainda de acordo com ele, a produção dos campos do pré-sal no ano passado alcançou participação de 66% na produção total da empresa, contra 24% em 2015. A produção média de óleo, LGN e gás natural realizada em 2020 está alinhada à meta de produção revisada e divulgada no Relatório de Produção e Vendas do terceiro trimestre, superando em 5% a meta prevista.  

“Segundo a Petrobras, isso significa menores custos operacionais e petróleo de melhor qualidade. É importante esse registro. A Petrobras é dos brasileiros, orgulho nacional. Infelizmente teve sua história manchada pela roubalheira nos governos federais anteriores”, concluiu Coronel Azevedo.

Ministério Público recomenda e prefeitura de Mossoró suspende vacinação de profissionais de educação física

Mossoró começou nesta terça-feira (2) a vacinação dos profissionais de saúde da rede privada — Foto: Reprodução
Mossoró começou nesta terça-feira (2) a vacinação dos profissionais de saúde da rede privada — Foto: Reprodução

A prefeitura de Mossoró suspendeu a vacinação contra Covid-19 para profissionais de educação física, que tinha sido iniciada nesta terça-feira (2) junto com outras categorias da saúde. A decisão atendeu a uma recomendação feita pelo Ministério Público do Estado. De acordo com o órgão, o município da região Oeste potiguar deve vacinar apenas profissionais elencados em recomendação da Secretaria Estadual de Saúde. Em seguida, deve ser iniciada a vacinação de idosos.

A vacinação de educadores físicos, que são considerados profissionais de saúde, também causou polêmica em Parnamirim, na região metropolitana de Natal.

Em nota, a prefeitura afirmou que, inicialmente, a vacinação contemplou os profissionais de saúde que atuam na linha de frente contra a Covid-1 doença e, a partir da segunda remessa de doses, a vacinação passou a contemplar outros profissionais de saúde, incluindo trabalhadores das redes pública e privada.

“O município não inclui nem exclui possíveis beneficiários de acordo com a atividade profissional exercida pelo beneficiário, mas respeita as devidas regulamentações das profissões que as enquadram legalmente como sendo da área da saúde por órgãos, associações e conselhos superiores”, disse.

Porém, diante da recomendação, a prefeitura disse que adiou a vacinação dos educadores físicos até que seja construído um alinhamento entre a Procuradoria do Município, a Secretaria Estadual de Saúde e o Ministério Público do Rio Grande do Norte.

G1RN